São Bento do Sul, 15 de setembro de 2019

11/09/2019 09:25

Espeto

Visita

Ontem recebi meus amigos Edimar Salomon e Cezar Miranda para um café aqui em casa. Como ainda estou em recuperação da minha cirurgia, colocamos o papo em dia. Bah!!! Soube de cada maracutaia que vai para o ventilador nos próximos dias.

Perdeu

Ontem o bicho pegou para uma testemunha que tentou enrolar a justiça, durante uma audiência no caso Márcio Dreveck e Paulo Zwiefka. Portanto, não inventem na hora de falar com um juiz. A testemunha é servidora da secretaria de obras.

Perdeu II

ARTIGO 342 CP: "Fazer afirmação falsa, ou negar ou calar a verdade como testemunha, perito, tradutor, contador ou intérprete em processo judicial, ou administrativo, inquérito policial ou em juízo arbitral:" Pena - Reclusão, de 2 a 4 anos, e multa (Pena com a redação dada pela Lei nº 12.850/13).

Perdeu III

E o vereador Marco Redlich que era uma das testemunha e que não compareceu na audiência, e resolveu viajar para os Estados Unidos, levou uma multa de R$ 10 mil. Uma viagem cara essa. E isso que era testemunha de defesa do Márcio Dreveck.

Perdeu III

Concussão, de acordo com o descrito no art. 316 do Código Penal Brasileiro, é o ato de exigir para si ou para outrem, direta ou indiretamente, ainda que fora da função ou antes de assumi-la, mas em razão dela, vantagem indevida. A pena é de reclusão e vai de 2 (dois) a 8 (oito) anos. Há ainda a pena de multa, que é cumulativa com a de reclusão.

Não faltou aviso!

Quando surgiu essa coisa de OCIP, que criou uma tal associação dos ‘amigos do transporte’, já se desconfiava que daria merrrrrrrrrrrcadoria. E deu! E uns figurões de penacho nobre terão que explicar tudo na justiça.

Promosul

No caso da Promosul, não foi somente má gestão que levou a sua falência, parece que tem muita coisa para ser explicada.

Tsunami

Tantas coisas acontecendo em São Bento do Sul, envolvendo políticos presos, empresários investigados, gestores públicos enrolados, servidores investigados por não cumprir horário. Pelo menos dizem que depois da tempestade vem a bonança. Será!

Próxima parada

Da polícia e do Ministério Público, deverá ser as tais contas dos partidos políticos. Parece que os tesoureiros e presidentes não tem conseguido dormir.

Imagens relacionadas

Espeto
  • Imprimir
  • Entrar em contato
  • Link:
Todos os direitos reservados Cezar Miranda