São Bento do Sul, 04 de agosto de 2020

31/07/2020 07:52

Prefeitura fará levantamento epidemiológico do Covid-19

Rio do Sul

A prefeitura de Rio do Sul fará no dia 8 de agosto um levantamento epidemiológico da Covid-19 no município através de testagem em massa na população. Serão até 500 testes aplicados em sistema de drive-thru no estacionamento do Centro de Eventos Hermann Purnhagen, no bairro Canta Galo. E todo morador com idade entre 18 e 59 anos domiciliado em Rio do Sul poderá ser selecionado aleatoriamente para participar. Quem tiver interesse, deve preencher um cadastro no site da Defesa Civil de Rio do Sul.

Por haver demanda de exames maior do que a oferta, será feita um processo de divisão por bairro e, aleatoriamente, o morador poderá ser chamado para fazer o teste. O contato será por e-mail ou WhatsApp.

O cadastro pode ser feito no site: defesacivil.riodosul.sc.gov.br até o dia 3 de agosto. Os contemplados serão convidados até dois dias antes da testagem, sendo de responsabilidade do próprio escolhido o deslocamento até o local. É obrigatório o uso de máscara e, preferencialmente, que a pessoa vá de carro, evitando a permanência no local e aglomerações.

A ação será com testes rápidos adquiridos pela prefeitura, e o resultado será apresentado dias depois, diretamente ao paciente de maneira confidencial, também pelo telefone ou e-mail. Isso agilizará o atendimento que deve durar o dia todo. Os dados totais serão planilhados e farão parte do banco de dados da prefeitura que já tem o resultado de cerca de 2,6 mil testes realizados desde o mês de fevereiro.

A iniciativa da prefeitura de Rio do Sul em fazer cadastramento e posterior seleção teve o apoio do Ministério Público, já que desta forma, há um procedimento mais democrático de testagem em massa, trazendo assim dados relevantes para o trabalho da Secretaria de Saúde. Qualquer pessoa que se enquadra nas regras de testagem poderá participar, mesmo que seja assintomático para a doença.

A intenção é fazer um grande apanhado de informações do coronavírus por bairro de Rio do Sul, avaliando as áreas mais afetadas neste levantamento epidemiológico. Segundo o prefeito José Thomé, muitas pessoas assintomáticas têm o desejo de fazer exame, mas a Secretaria de Saúde testa habitualmente apenas as pessoas com sintomas claros da doença, por não haver testes o suficiente para toda a população.

“O público-alvo desta ação é formado por pessoas que estão ativas no mercado de trabalho, que costumam sair com mais frequência, e que podem ter ou já tiveram a doença, mesmo sem ter feito exames e estarem assintomáticos. Quanto mais pessoas testarmos e mais dados de cada região da cidade tivermos, melhor para gerenciarmos as ações de enfrentamento a pandemia do coronavírus”, explica.

Rio do Sul já testou 2,6 mil pessoas

Pelo menos 2.655 pessoas já foram testadas em Rio do Sul para verificar se tinham coronavírus. Foram testes realizados pela Secretaria de Saúde, laboratórios particulares ou até mesmo farmácias que estão habilitadas a aplicar o procedimento. Destas, 403 estão positivas para a doença até esta quarta-feira (29) e 2.187 deram resultado negativo. 62 pessoas aguardam resultado do exame que está em análise no Lacen, em Florianópolis. Três pessoas já faleceram com a doença.

O índice de testagem em Rio do Sul em relação ao total da população é de 3,5%, quantidade maior do que a média no Alto Vale (2,6%) ou em Santa Catarina (2,8%). Em média, de 80 a 100 pessoas são testadas diariamente em Rio do Sul, também pela Secretaria de Saúde ou em laboratórios e farmácias particulares.

 

  • Imprimir
  • Entrar em contato
  • Link:
Todos os direitos reservados Cezar Miranda